Recrutamento de mediador/a de pares

27 Março 2017

O GAT – Grupo de Ativistas em Tratamentos abriu uma vaga a tempo parcial para um/a mediador/a de pares em população migrante para um projeto em unidade móvel na Margem Sul do Tejo.


Algumas das tarefas desta função incluem:

- Acompanhamento hospitalar de pessoas com resultados reativos para VIH e outras infeções sexualmente transmissíveis (IST);
- Realização de rastreios rápidos à infeção pelo VIH, hepatites virais e IST;
- Angariação de pessoas para a realização de rastreios.

Perfil do candidato:

Dar-se-á preferência aos candidatos que tiverem os seguintes requisitos, não constituindo facto de exclusão a ausência de um ou vários destes:

- Falantes de crioulo (preferencialmente de Cabo-Verde)
- Experiência e conhecimento básicos/médios na área do VIH/SIDA e doenças associadas;
- Facilidade de deslocação na Margem Sul do Tejo;
- Capacidade de trabalho em equipa;
- Candidato deve enquadrar-se nos requisitos da Medida Estímulo Emprego do IEFP – http://www.cite.gov.pt/asstscite/downloads/legislacao/Port_149A_2014.pdf

 

Oferecemos:

- Formação em rastreio rápido ao VIH, hepatites virais e IST;

- Remuneração adequada às funções;



Candidaturas com CV para ines.correia@gatportugal.org