Arranque do estudo de prevalência de hepatite C em injetores

09 Novembro 2017

Teve início no dia 30 de outubro o estudo “Hepatite C – avaliação da prevalência (e dos comportamentos de risco) em ambiente de consumo injetado de drogas” sob a coordenação do Professor Doutor Francisco Antunes pelo Instituto de Saúde Ambiental – Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, em parceria com o Grupo de Ativistas em Tratamentos, Associação Nacional das Farmácias e Centro de Estudos e Avaliação em Saúde, com a formação do primeiro grupo de inquiridores que irá fazer a recolha de dados em Lisboa nas zonas de maior consumo de drogas. O estudo pretende dar um contributo para o conhecimento da infeção por VHC em Portugal, avaliar os determinantes que lhes estão associados, promovendo e facilitando a ligação ao sistema de saúde.